Perdeu o celular? Saiba como se proteger

Alguns apps ajudam a localizar o aparelho e até salvar dados.

Imagine colocar a mão no bolso e perceber que você perdeu o celular ou que teve o aparelho furtado. Para quem passa por esta situação, a sensação de vazio rapidamente dá lugar ao desespero. Afinal, nas mãos de quem os seus dados foram parar? E de que forma serão utilizados?

Essas e outras dúvidas, mostradas no programa Fantástico, da TV Globo, neste domingo, alertam para um perigo comum: o hábito de manter documentos importantes e senhas salvas nos aparelhos.

“No celular, acessamos muitos dados pessoais. Então é fundamental, assim que comprar o aparelho, criar uma senha. É o mínimo de proteção”, orienta o professor da Ufes e Doutor em Ciência da Computação Vitor Souza.

São três as orientações básicas: mantenha o aparelho com código de segurança, deixe instalado um aplicativo de rastreamento do aparelho e troque todas as senhas assim que perceber que o telefone sumiu.

E para quem tem o costume de acessar os dados de bancos, a preocupação deve ser ainda maior. “Se você acessa a sua conta, nunca salve a senha no aparelho. O Banco do Brasil, por exemplo, não deixa o cliente fazer isso”.

filipe

Susto

Quem já passou pelo aperto de procurar o celular e não encontrar foi o estudante universitário Filipe Gegenheimer, 25. Na hora, o desespero tomou conta. Afinal, ele utiliza o aparelho para calcular as despesas do mês e conferir movimentações financeiras. Mas foi só um susto.

“Fui ao shopping e depois de um tempo eu percebi que estava sem o aparelho. Voltei aos lugares por onde passei e nada. Fiquei desesperado, pois o meu celular não tinha nem senha. Por sorte, eu tinha esquecido ele dentro do meu carro, mais cedo”, conta o estudante.

Depois do susto, ele passou a tomar alguns cuidados. Mas não deixou de acessar a conta bancária via celular. “Confesso que eu ainda arrisco. Coloquei senha no celular, mas me incomodava ter que digitar a senha toda hora. Mesmo assim, instalei um app que rastreia, bloqueia e manda mensagem do meu computador pessoal para o aparelho”.

A segurança do celular é uma questão de prevenção. Mantenha-se alerta e siga as dicas abaixo.

Aplicativos para deixar o celular “seguro”

Lookout

O aplicativo para Android é gratuito, mas traz alguns recursos pagos. Possui um antivírus com uma abrangência de detecção grande, além de oferecer análise de apps, verificando possíveis problemas com privacidade de cada aplicativo instalado

TrustGo

É um aplicativo focado em outros apps. Ele exibe a segurança de cada aplicativo antes mesmo de você fazer o download. Também possui alarme e bloqueio de tela quando você perde o aparelho ou é roubado, além de backup. Disponível para Android

Avast

É gratuito e traz verificação antivírus, além de bloqueio de chamadas e mensagens de texto indesejadas. Disponível para Android. Também possui um recurso antirroubo

ESET Mobile Security

É totalmente pago, disponível para Android, mas possui uma versão gratuita para teste por 30 dias. Tem antivírus, antifurto e auditoria de segurança. Mas não oferece nenhuma forma de backup e nem criptografia dos dados

iGotYa

O aplicativo para iOS te ajuda a identificar quem tenta bisbilhotar o seu celular. Ele fotografa com a câmera frontal toda vez que alguém tenta acessar o seu iPhone e erra a senha de bloqueio. E ainda envia a imagem do curioso, junto com a localização GPS, para o endereço de e-mail do proprietário do aparelho

Prey

É um dispositivo gratuito que envia relatórios, imagens e dados de uso do aparelho roubado. Possui versões para Windows, Mac, Linux, iOS e Android. O app roda escondido. Ao informar a perda, o programa envia relatórios com a localização do aparelho e fotos da câmera

GadgetTrack

É um serviço que permite localizar smartphones perdidos ou roubados pela internet. Permite receber atualizações sobre o paradeiro do aparelho perdido ou roubado. Possui versões para Windows, Mac, BlackBerry, Android e iOS

Find My iPhone

É o app oficial para encontrar iPhones 4, Ipads ou iPods touch. Caso perca o celular, basta instalar o app em outro dispositivo com iOS ou acessar pelo site. O usuário vê a localização do celular e pode fazer com que ele mostre uma mensagem ou emita som. Também permite bloqueio remoto e a eliminação de dados

iHound

O iHound serve tanto para localizar um dispositivo iOS ou Android perdido, como para informar sobre a localização de um familiar ou colega. A ideia é sempre mostrar onde sua família ou seu smartphone está

Fonte: UOL, Revista Exame e www.tudocelular.com


Compartilhar
Compartilha