Polêmica: vídeo de beijo gay no programa Encontro com Fátima Bernardes

O programa Encontro com Fátima Bernardes apresentou recentemente uma matéria sobre o beijo gay, usando como base um vídeo publicado no YouTube que mostra um pedido de casamento entre dois homossexuais.

A proposta do programa da TV Globo era colher opiniões de pais e crianças sobre a homossexualidade. O vídeo foi mostrado aos pais primeiramente, que em sua maioria, demonstraram compreender a opção sexual do casal, mas discordar do comportamento. Quando exibido às crianças, o vídeo causou sentimento de repulsa, com adjetivos como “nojento” para a cena.
O pastor Rubens Teixeira, publicou um artigo reprovando a proposta de mostrar um beijo gay a crianças como parte de uma discussão que é cabida a adultos: “Não quero aqui desferir um ataque direto à emissora, apesar de já sabermos qual seu perfil, valores e entendimento a respeito de diversas questões relacionadas à família e à vida. Entretanto, muito me incomoda que as pessoas tenham tanta liberdade para manipular crianças psicologicamente, sem que haja qualquer entrave”, criticou.
Teixeira cita questões psicológicas e possíveis danos às crianças como pontos a serem analisados: “Uma criança é um ser inteligente em formação. Não está pronta para se expor a determinados temas incompatíveis com a sua idade. Por outro lado, adolescentes, jovens e adultos também não apreciam determinadas coisas ou, se expostos a elas, podem sofrer prejuízos psicológicos também”, ponderou o pastor.
O artigo expõe ainda uma preocupação de Rubens Teixeira com a manipulação midiática da opinião pública: “Esta emissora e outras entidades, de mídia ou não, em suas agendas de ativismo homossexual, não medem esforços para tentar enfiar goela adentro o que eles ‘acham melhor’ para a sociedade. A Globo sabe que detém boa parte da audiência e isso lhe garante que terá boa visibilidade ao colocar algo no ar. Uma programação apresentada naturalmente, sem pauta previamente conhecida pelos telespectadores, deixa-os ‘desarmados’ e tira-lhes a capacidade de análise plena de uma ‘cena’ ou ‘tema’ que lhes sejam apresentados, a menos que este telespectador seja um ‘expert’ na matéria ou tenha posição formada sobre o que está assistindo”, comenta.
Por fim, Rubens Teixeira pondera sobre uma questão mais ampla que envolve a aproximação da emissora da família Marinho com lideranças evangélicas, e cobra uma postura de correção por parte de tais líderes: “Confesso que me sinto incomodado com cristãos atuantes que ‘surfam nas ondas da Globo’ e deixam suas eloquências e coragens de lado nestas horas, fingindo-se de cegos, surdos e mudos. Este evangelho de conveniência explorado comercial e politicamente não é o Evangelho de Cristo, mas sim um serviço para o adversário das nossas almas, pois estamos rodeados de uma ‘tão grande nuvem de testemunhas’ (Hebreus 12:1) que esperam de nós coerência”.
Assista ao vídeo:

Ação