• Home »
  • Geral »
  • Facebook usará drones para levar internet a regiões pobres

Facebook usará drones para levar internet a regiões pobres

drones

A Amazon não é a única interessada em drones. Segundo reportagem publicada no dia 4 de março pelo TechCrunch, o Facebook estaria disposto a investir US$ 60 milhões para comprar a fabricante de aviões não tripulados Titan Aerospace na tentativa de levar internet a regiões pobres, a começar pela África.

A aquisição daria fôlego à pretensiosa missão da iniciativa Internet.org de conectar as 5 bilhões de pessoas (2/3 da população global) que ainda não fazem parte do mundo digital. O plano foi revelado no ano passado por Mark Zuckerberg em parceria com entidades e empresas de tecnologia e faz cada vez mais parte da estratégia da rede social que reúne 1,2 bilhão de seguidores.

Se o martelo for batido, a Titan construirá 11 mil drones alimentados por energia solar capazes de voar por cinco anos sem a necessidade de pouso ou reabastecimento. Segundo a fabricante, os modelos funcionam como “satélites atmosféricos” utilizados para operações mais baratas e versáteis de comunicações em órbita.

O vídeo a seguir, em inglês, demonstra a atividade de um dos modelos de drones, o Solara 60, revelado em 2013:

Com informações do TechCrunch


Compartilhar
Compartilha